Por que gerenciar os riscos de seus projetos?

Por natureza, riscos são eventos probabilísticos. Estes eventos são associados a incertezas e causam instabilidade. Dada a sua característica única, os riscos são inerentes à natureza dos projetos. Independentemente do ramo do projeto, os riscos podem afetar seus objetivos podendo levá-lo a uma direção totalmente diferente da planejada inicialmente.

Os impactos da concretização dos riscos podem ser positivos ou negativos para os objetivos do projeto. De qualquer maneira, é preciso identificar e analisar de forma criteriosa os riscos envolvidos no projeto, seja para aproveitar as oportunidades trazidas por riscos positivos, seja para conseguir tomar ações que diminuam o impacto causado pelos riscos negativos.

O Gerenciamento dos riscos do projeto deve ser realizado de maneira adequada, pois além de proporcionar melhores resultados para o projeto e para a organização em caso de riscos positivos, o gerenciamento dos riscos pode evitar sérios problemas em caso de riscos negativos, uma vez que os efeitos causados por estes podem ser graves e envolver toda a sociedade, dependendo da natureza do projeto. Para isso, é preciso que a organização faça análises qualitativas e quantitativas para possibilitar o adequado gerenciamento dos riscos.

Contudo, é preciso cuidado ao analisar os riscos do projeto, tanto por questões de conflitos de interesse dentro da organização, como principalmente com a dificuldade de atingir o grau necessário de imparcialidade equipe de avaliação, em caso de equipes internas, envolvidas com o projeto direta ou indiretamente.

Quando a avaliação dos riscos inerentes ao projeto é feita por uma parte externa ao projeto, ou seja, por uma equipe especializada e imparcial, a tendência é que a avaliação dos riscos seja mais criteriosa e fidedigna. Além disso, a imparcialidade e a experiência de uma equipe especializada em gerenciamento dos riscos pode proporcionar planos de resposta bem mais efetivos.

1 comentário sobre “Por que gerenciar os riscos de seus projetos?”

  1. Pingback: Conheça as 10 áreas do conhecimento em gerenciamento de projetos – Sigma Gerenciamento de Projetos

Deixe uma resposta